Comi Minha Irmã safadinha

Esses dias atrás, recebemos em casa minha irmã, ela iria fazer uns testes para emprego aqui na região e como ela é de outra cidade a Natália (minha esposa) ofereceu nossa casa pra ela passar esses dias.

O nome da minha irmã é Rafaela, é uma loirinha, baixinha, cabelos longos meio ondulado, rostinho de novinha… não é aquelas com corpao, ela é magrinha, mas não sei se a cara de novinha dela ou seu jeito da um puta tesão em mim.

Apesar de ter maior tesão na minha irmã… sempre respeitei ela… mas sabia que ela era bem safadinha… afinal conhecia a s amigas dela… rsrs
Pois bem, em um desses dias que ela estava hospedada em casa, cheguei um pouco mais tarde de um trabalho que estava fazendo, e cheguei com um puta tesão pra pegar de jeito a esposa!!!

Quando entrei em casa, já tive uma visão daquelas, a Rafa estava de pijaminha preparando um lanche na cozinha… foi inevitável não olhar pra aquela bundinha naquele shortinho leve, era visível que a danada estava sem calcinha…

Meu tesão que já estava grande… vendo minha irmã daquele jeito… deu um gás!!! Fui dar um oi pra maninha meio que na maldade dei uma passada de mão na cintura dela, e falei oi bem no ouvido dela…
Ela deu uma risadinha meio sem graça, e um pouco assustada com minha ousadia… me deu um tapa na mão e me disse oi rindo…

Dei risada e perguntei pela minha esposa, ela disse que tinha acabado de chegar e que tinha entrado no banho…
Com a resposta, dei meia volta e parei atrás dela, e coloquei as mãos nos ombros dela…
Perguntei como estava os testes e disse que ela parecia tensa… e comecei a massagear os ombros dela…

Ela deu um sorriso malicioso, tentou tirar minhas mãos dos ombros dela e falou meio que rindo se eu era doido??? Que a Naty estava no banho…
Falei pra ela ficar tranquila, era só uma massagem… e a Naty demoraria no banho…

Ela riu novamente e tirou o cabelo das costas liberando o caminho… e disse…

-Vai devagar mano…
então segurei ela mais firme e falei no ouvido dela se ela gostaria de uma brincadeirinha…

Ela deu uma segurada na minha mão e falou que era melhor parar… e foi tentando sair…
Então encostei ela no balcão americano e encostei meu pau que já estava duro na bundinha dela… Quando ela sentiu meu pau duro roçando naquele rabinho, ela soltou um suspiro e pediu novamente pra eu me afastar…

Perguntei se ela não estava gostando… e com uma mão segurava ela nl balcão e com a outra fui de encontro a barriguinha dela, forçando a bundinha dela pra trás…
Ela falou que eu era maluco!!! Mas continuou permitindo a encoxada!

Então disse pra ela que passei o dia de pau duro, precisava de alguem pra me ajudar… e como a Naty estava no banho se ela poderia dar um jeito pra mim…
Nisso peguei uma de suas mãos e fui guiando até meu pau… Ela tentou resistir, mas dei mais uma encoxada nela e ela cedeu e colocou a mão por cima da minha calça…
A safada tava com um puta tesão estava na cara… ela começou a apertar meu pau por cima da calça… e eu comecei a beijar o pescoço dela, já nem precisava prender ela, então comecei a passar as mãos pelo corpo da ninfetinha… aos poucos cheguei nos peitinhos… os biquinhos estavam duros então perguntei se ela tava com tesão…

A danada nem conseguiu responder… deu só um gemidinho gostoso e balançou a cabeça com um sinal de negativo… e apertava com mais força meu pau! Deu pra ver que não era muito verdade aquela negativa…
Então fui descendo aos poucos… cheguei na barriguinha dela… e comecei a descer…

Ela pediu pra eu parar… mas continuava… e ela tentou sair… mas não largava meu pau…rsrs então prendi ela novamente… e perguntei se ela estava molhada…

Ela disse que não… que queria parar… mas mordia o canto da boca, e não largava meu pau… então falei que duvidava que ela não estava molhada…
Ela riu e disse que não estava… quer era melhor parar…
Então prendi ela na parede e fui novamente em direção a bucetinha dela, então ela segurou minha mão e falou que não…

Então falei que só queria ver se ela não estava molhada mesmo… ela riu e falou mais uma vez que não estava … e que também não fazia diferença…
Então abri o zíper da minha calça e falei pra ela dar uma segurada…
Ela já foi com a mão sedenta no meu pau, segurou forte e deu um suspiro…

-Mano, porque vc esta fazendo isso??? Somos irmãos…

Não falei nada… só dei uma risada e falei pra ela que tudo bem… estávamos em familia… rsrs

Nisso ela pediu pra gente parar que ela queria sair dali…

Mas estava na cara da putinha que ela queria mais… mas estava com medo da Naty pegar a gente no flagra…

Então falei pra ela que queria fazer uma aposta com ela, como ela estava me dizendo que não estava molhada e não queria mais…
Se ela não estivesse molhada mesmo, eu deixaria ela sair dali, mas se ela tivesse molhada, eu iria comer ela!!!

Ela outra vez perguntou se eu era doido… se eu não tinha medo na Naty…
Falei pra ela esquecer a Naty e perguntei se ela aceitava a aposta…
Ela disse que não aceitava e pra eu parar…
Passei meu pau no meio da bunda dela e perguntei se ela tinha certeza???
Ela falou que tudo bem, mas que ela iria colocar a mão pra me provar…

Eu ri e falei que td bem, mas queria ver ela tocar a bucetinha… ela falou que não… mas falei que sim e baixei o shortinho dela com tudo, ela assustou e riu…
Logo que abaixei, já deu pra ver o shorts todo molhado, quando ela viu olhou pra trás rindo e disse que não valia…

Eu ri novamente e perguntei se ela iria continuar mentindo…
Ela disse novamente que não estava molhada…. então virei ela e pude ver aquela bucetinha brilhando… e babando… Ela quando se virou fixou o olhar no meu pau… e fui com a mão em direção da sua buceta, quando ela se tocou, fechou. os olhos e riu…

Então perguntei e aí, ta seca??? e dei uma risada sacana…
a safada rindo falou que sim… então falei me prova… e pedi pra ela enfiar o dedo na buceta… ela olhando nos meus olhos enfiou o dedo e perguntou e agora, o que vc quer??

Então me aproximei, puxei a mão dela e lambi rapidamente os dedos meladinhos…
Ela olhou meio assustada mas não falou nada… então falei olhando dentro dos olhos dela…

E aí Rafa, vai continuar mentindo sua safada???

Ela riu e disse que eu era maluco!!! Então se abaixou e já abocanhou minha rola… como chupava gostoso… enfiava meu pau até o final na boca… deixando todo babado meu pau…
Então falei pra ela que precisava ser uma rapidinha pois a Naty estava no banho e não dava pra demorar…
Então ela se levantou se apoiou no balcão e abriu a bundinha…

Sinal verde pro meu pau!!!
Nem pensei duas vezes, já mirei meu pau babado naquela bucetinha deliciosa, e fui colocando… que bucetinha apertada… precisei tapar a boca dela pra ela não gritar…. e comecei a socar a vara naquela ninfeta putinha…

Socava bem gostoso, então ela olhou pra trás e disse…

-Goza na minha boquinha maninho safado!!! Me da Leitinho!!!

Então dei mais umas estocadas e avisei que iria gozar…
Ela deu um pulo, e ajoelhou abrindo bem a boca colocando a cabeça do meu pau na sua boca, e lando umas lambidinhas acabei jorrando leite naquela boquinha!!!

A putinha ria com a boca toda gozada!!!
Então escutamos a porta do banheiro se abrindo… ela se levantou rapidamente lambendo os cantos da boca cheia de porra e rindo subiu o shorts e disse no meu ouvido…

-Seu filho da puta, quero mais!!!

Eu só sorri e falei pra ela…

-Relaxa sua putinha, da próxima vou comer seu cuzinho!!!

Ela riu e disse… VEREMOS!!!

Nisso minha esposa apareceu, fui dar um oi pra ela, dei um beijo na boca dela ainda meio ofegante…
Ela me perguntou pq estava ofegante, e falei que o elevador estava demorando muito então subi de escada…

Como a Rafa não tinha expressão nenhuma de cansaço, ela nem desconfiou…

Depois desse dia, a Rafa se soltou de vez… virou uma verdadeira putinha!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *