O instalador de box me comeu gostoso

Sou uma mulher madura, casada com meu maridinho há mais de 20 anos, 1,68, 58 kg , 103 cm de bumbum, 93 cm de seios turbinados, to loira , cabelos compridos, em boa forma ainda , sempre me cuidei e por muitos anos malhei diariamente, dois filhos que ja se viram. Tenho um casamento legal , sempre fui safada, sacana, devassa e meu marido sempre soube , adora incentiva e as vezes participa das

safadezas que sempre fiz com ou sem ele. Gosto de me exibir , dançar , beber, usar roupas provocantes , escutar cantadas , provocar e de picas, amo, nao dei sorte no casamento pelo tamanho do piruzinho do marido de 15 cm , sempre me satisfez desde do namoro mais nao me sacia . Gosto de picas maiores , mais grossas , essas merecem tratamento especial rs , mais nao desprezo as outras .

Na época em que eu e meu corninho morávamos em apartamento , estava em casa a toa e resolvi me arrumar pra sair , bater pernas , ver vitrines , gastar e que sabe arrumar uma aventurazinha rsrs, tirei toda a roupa e peladinha fui para meu banheiro tomar um banho para sair , entrei no banheiro e ao puxar a porta do box ela se partiu e eu fiquei ali pasma com a situação, peladinha , com um monte de estilhaços muito mesmo espalhado por todo banheiro e só com o puxador da porta na minha mão rsrs.

Sem ter o q fazer , me enrolei em uma toalha e fui até o interfone falar com Seu Juvenal , um misto de porteiro, zelador , faz tudo para todos no prédio, falei o ocorrido a ele e pedi o telefone da empresa que fazia as instalações dos boxes no prédio é fica aqui pertinho de casa, e assim ele o fez.

Liguei um homem atendeu e como essa empresa sempre instalava os boxes aqui dos apartamentos inclusive do nosso, o homem foi perguntando qual era a coluna do apartamento, qual banheiro, qual parte do boxe, com do vidro, com as perguntas respondidas me disse q em 10 minutos mandaria alguém para consertar, agradeci, desliguei .

Enrolada na toalha , me distrai , sentei no sofá da sala vendo TV e não demorou e logo a campainha tocou, me levantei, ajustei a toalha em meu corpo abri a porta e me deparei com o instalador, um homem de quase 1,90, de uns 50 anos , mulato, olhos claros, trajando bermuda, camiseta da empresa , carregava em uma das mãos uma caixa de ferramentas e na outra a porta do boxe, interessante , rs, sorrindo , enrolada na toalha que cobria meu corpo dos seios até a metade das coxas , olhei eu seus olhos aquele olhar de lobo faminto , eu como tô sempre faminta rsrs, me apresentei, pedi para ele entrar e fechei a porta e fui a sua frente rebolando meu rabão em direção ao banheiro.

Chegando ao banheiro ainda cheio de cacos do boxe para todos os lados mostrei a ele e disse que ia buscar uma vassoura para varrer os cacos deixando ele sozinho no banheiro.

Não demorei e ao voltar instalador agachado mexia na parte de baixo do boxe, comecei a varrer os cacos dentro do boxe ali na frente dele , e ele me chama apontando para baixo mostrando o batente tinha quebrado, me agachei a sua frente do outro lado da parte de vidro que sobrara proporcionando a ele a visão das minhas coxas e da minha xota gulosa e depiladinha abertinha sob seu olhar faminto, com ele babando, lentamente levantei , acabei de juntar os cacos de dentro do boxe e sob aquele olhar decorador saí do boxe e comecei a juntar os cacos do banheiro enquanto ele entrava no boxe para trocar o tal batente e colocar porta, eu , safada conversava com ele sobre coisas banais e varria os cacos exibindo meu corpo, me curvava , me agachava, empinava o rabão, tudo sob aquele olhar devorador , em dado momento , fui em sua direção dizendo que iria buscar a pá e não sei como a toalha caiu rsrs, me deixando peladinha a sua frente fazendo seus olhos saltarem rs, me fingindo surpresa, me desculpei e fingi tampar meus dotes rsrs enquanto lentamente me abaixava a sua frente para pegar a toalha abrindo as pernas mostrando a gulosa depiladinha que a essa altura latejava com a situação , me enrolei e fui buscar a pá.

Logo voltei com a pá e uma garrafa de água e copo para o meu instalador que a essa altura estava sentado no vaso já com a porta instalada e pediu q eu conferisse os reparos, pousei a garrafa e o copo na bancada da pia , passei prensada entre ele e a parede com meu rabão a um palmo da sua cara, entrei no boxe e novamente me agachei a sua frente, dessa vez abrindo toda as pernas descaradamente pra que ele visse tudinho me babando, sai do boxe , me virei de costas e empinando o rabão testava o puxador da porta, me virei pra ele que me olhava fixamente e disse q estava bom e fui em direção a pia pegar a garrafa de água .

Peguei a garrafa com uma mão e o copo com a outra , fiquei a sua frente q sentava no vaso e não é que a toalha caiu novamente rs me deixando peladinha a sua frente , com as mãos ocupadas , safadamente disse para ele se servir, e não é que ele o fez , se levantou, me puxou contra ele , sem reação , com as duas mãos ocupadas e com muito tesão, o instalador começou a passar a língua grande pelo meu pescoço , me arrepiando todinha fazendo com que os biquinhos dos meus seios ficassem duríssimos confessando todo meu tesão, o safado aproveitado que não reagi e minhas mãos ocupadas , foi descendo a língua e lambendo um a um os biquinhos dos meus seios durinhos de tesão, lambia, chupava, mamava me falando q eu era uma dona gostosona , safada enquanto me prensava na parede roçando sua pica em minhas coxas e com as mãos ele abria meu rabão tocando com os dedos meu cuzinho que piscava e minha xota a essa altura molhada de tesão me fazendo gemer e esfregar meu corpo contra o seu sentindo sua picona duríssima.

Pousei a garrafa e o copo na pia , ele veio por trás e começou a beijar meu pescoço, com uma das mãos ele massageava os biquinhos dos meus seios e com a outra dedilhava meu grelinho q estava duríssimo de tesão , enfiava um , dois, três dedos em minha xota que fervia , eu Cheia de tesão gemia, rebolava meu rabão contra ele que foi descendo passeando sua língua pela minhas costas, passando pela minha bunda , me arrepiando, beijava , lambia mordia meu rabão que eu empinava contra ele curvada sob a pia cheia de tesão, passeava a língua no meu cú, na xota, e foi me torturando lambendo e mordendo minhas coxas , batata da perna me deixando com mais tesão e toda arrepiada.

Me virou , me colocou sentada na pia com as pernas abertas e caiu de boca em minha xota gulosa, lambia, chupava e dava mordidinhas em meu grelo e meu cuzinho q piscava me fazendo gemer , lambia as partes internas das coxas, sua lambendo meu abdômen até chegar aos seios e desceu novamente até a minha xota enfiando sua língua toda nela me fazendo gemer ,louca de tesão, com as duas mãos segurei sua cabeça rebolando , gemendo , tremendo de tesão e gozando com sua língua dentro de mim.

Ele se levantou , tirou seu picão enorme pra fora da bermuda , e começou a esfregar aquilo tudo na minha xota e cuzinho, enfiava o cabeção na entradinha da xota me arrepiando, tirava, esfregava no grelo, enfiava no cuzinho, esfregava e enfiava o cabeção em minha xota , eu, louca de tesão com as duas mãos o segurei pela bunda e puxei contra meu corpo fazendo aquela pirocona invadir e dilatar minha bucetinha molhada que se contraia contra aquele pau me fazendo gemer, rebolando cheia de tesão sentada na pia com as pernas escancaradas olhava para ele que lentamente tirava e colocava tudo pra dentro me fazendo gozar , gritar e gemer, tirava , botava, sentia suas bolas batendo em minha bunda , assistia toda aquela cena cheia de tesão.

Me levantei , me virei , apoiei na pia, empinei meu rabão, segurei seu picão , posicionei na entrada da minha xota molhada e corajosa de uma vez só joguei meu rabão contra aquele picão que deslizou todo dentro de mim até eu sentir as bolas tocarem meu rabão me fazendo soltar um grito, com tudo dentro , comecei lentamente a rebolar e fazer um movimento de vai e vem até o cabeção, e lentamente voltava até o talo sentindo tudo entrando em minha xota, rebolava, subia e voltava rebolando novamente , fui aumentando o movimento até que instalador segurou meus ombros e começou a tirar e colocar de uma vez seu picão todo dentro de mim, tirava e botava, eu apoiada na pia, gemia, empinava e rebolava meu rabão escorando aquela pica que o instalador socava sem dó me fazendo gritar , gemer e gozar jogando meu rabão contra ele, peguei seu picão, e comecei a esfregar no meu cuzinho elástico que latejava, forçava o cabeção que não entrava e tirava, forçava e tirava, até q me curvei meu corpo na bancada , abri bem as pernas, com as duas mãos abri meu rabão, o instalador salivou meu cuzinho e começou enfiando um , dois , três dedos nele abrindo passagem me enlouquecendo de tesão, comigo abrindo o rabão com as duas mãos, ele começou a pincelar minha xota, pincelava , enfiava até a metade, quando eu começava a rebolar ele tirava me deixando mais tesuda ainda, até q ele posicionou o cabeção na entrada do meu cuzinho , salivou novamente e foi deslizando seu picão todo pra dentro do meu cuzinho que mordia seu pau, cheia de tesão sentia tudo entrando me levando ao delírio , levantei meu corpo , de pé, apoiada na bancada , comecei a rebolar meu rabão contra aquele picão, enquanto o instalador dedilhava meu grelo e enfiava dois dedos em minha xota , gritava, gemia , jogava meu rabão contra ele que socava cada vez mais me fazendo urrar, gozar e ter orgasmos múltiplos enquanto sentia tudo dentro, sentindo que ele iria gozar, tirei seu pau de dentro de Mim , me agachei a sua frente e comecei a punhetar, lamber, chupar e mamar aquele picão arrancando gemidos daquele macho que segurou minha cabeça e começou a a socar seu picão na minha boca enfiando ate garganta , tirava , enfiava, gemendo dizendo quem Iria gozar , tentei tirar a boca , ele não deixou, segurou minha cabeça e movimentando num vai e vem frenético não demorou e logo senti jarros de porra quente e densa inundarem minha boca escorrendo e lambuzando meu rosto , escorrendo pelos meus seios, delícia de foda !

O instalador se arrumou e rapidamente foi embora sem cobrar um centavo pelo seu serviço cobrado. Lógico que com essa cortesia e instalou várias coisinhas lá em casa ne rsrsrs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.