Transei com meu amigo de infância

Como já contei, eu nunca tinha saído com caras, até transar com meu vizinho, eu sempre saio pra pegar gatinhas, q isso não largo. Inclusive sempre saí desde garoto com meu amigão, Luciano. Nunca tinha reparado nele, mas depois q experimentei um cara comecei a notar em outros. Ele é moreno de olhos verdes, cabelo cacheado, dourado, muito bonito, minha concorrência, como semprei chamei ele. Ele é meu maior amigo, mas nunca tive coragem de contar que eu havia transado com um cara, tinha medo de perder sua amizade.


Bom agora começa o conto. Semana passada teve churrasco na casa dele, muitas gatinhas, bebidas, uns caras show de bola e piscina. Do nada enquanto eu bebia umas e outras comecei a reparar no seu corpo bronzeado numa sunga branca, de chinelinho havainas fazendo churrasco, eu comecei a me excitar e corri pro banheiro, não pude evitar e me masturbei pensando nakele caminho pra perdição com pelinhos dourados, mas aí caí e fiquei com peso na consciência, pois ele é meu amigo de infância, não podia querer comê-lo, mas pra mim até ser comido pela primeira vez ia valer com ele.
Então voltei pro churrasco, e evitava ficar próximo dele. Quando foi ficando a noite, só restou ele e eu como havia prometido antes ia durmir lá e ajudá-lo no dia seguinte de arrumar toda bagunça. Então ele veio perguntando poq não falei com ele a festa toda, aí eu tive q conversar com ele, expliquei toda minha situação, q tinha transado com um cara, e q tinha medo dele ter nojo de mim, aí minha surpresa ele me deu um abraço, e falou q não ligava, q cada um faz oq bem entender, eu me senti mais aliviado, e com puta tesão irrustido de ter abraçado ele só de sunga, ele com cheiro de churrasco.
Então ficamos conversando sobre os acontecimentos da festa e bebendo, ambos próximo a piscina, a noite estava linda, conversa vai, conversa vem ele falou: – quer saber, depois q vc me contou isso, vc me deu coragem. tenho uma puta vontade de transar com um cara, mas ele tinha q ser alguem q ele confiava. disse q sempre tinha gostado de transar com mulheres, mas tinha vontade de transar com um cara. Aí ele riu pra mim e eu fikei parado, sem ter oq falar, ele tirou a sunga e caiu na piscina. Eu já tinha visto ele peladão outras vezes, mas como eu disse de um tempo pra cá q comecei a prestar atenção.
Eu entendi aquilo como um convite, tirei minha sunga e caí na piscina tb. Foi aí que cheguei perto dele pelado e taquei um beijo nele, aí pude entender poq a fama de boca boa, hehe, foi uma sensação incrível sentir a minha rola tocar na dele, as duas q estavam durmindo acordaram num instante, fikamos nos beijando, nossa, nem sei quanto tempo, muito tempo, até q ele desceu a mão no meu pau duro e disse sussurrando no meu ouvindo: – quero q meu amigão me foda! puta q pariu, quando ele disse isso eu ri e disse: -isso não tá me acontecendo, tô querendo isso a tarde toda. Foi aí q saímos da piscina e fomos correndo para seu quarto.
lá ele pegou vaselina q usava nas garotas e camisinhas, eu ainda estava em estado de hcoque, não queria machucar meu grande amigo, ele tem uma beleza taum delicada, eu nunca quis machucar nenhuma mulher no sexo, nem quis machucar meu amigo. Fiz tudo com calma, começamos com um beijo, depois fizemos 69, como ele chupava meu pau com sede, e eu tb claro, como uma chupada relaxa mew. Depois de deixar ele bem relaxado comecei a laber seu cuzinho, e ele gemia baixinho, coloquei a camisinha e comecei bem devagar, via q ele sentia dor, perguntei se era pra parar, pois eu ia entender, ele disse q não, q depois da dor vinha o prazer.
Então comecei a enfiar bem devagar, até q entrou tudo, como ele tava de ladinho eu encaxei nele e comecei a morder sua nuca, falar sacanagem no ouvido, quando gemi no seu ouvido, senti seu cu dar a ordem q era pra meter, entaum comecei a meter nele, até q ele gemia alto e eu tb, mudei a posição, deixei ele de quatro, e masturbava ele, foi entao q ele disse q ia gozar e o filho da puta gozou tudo em minha mão, eu adorei, não me aguentei e gozei tb, foi muito foda. deitamos juntos, e ficamos namorando horas, até q durmimos abraçados, não foi dessa fez q fiquei de 4 para um cara, mas o dia seguinte eu conto depois…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *