Domando a potranca fogosa

Num desses feriados fui visitar uma amiga que tem um sítio…em um dos dias que estive por la encontrei com o primo dela com quem ja havia saído algumas vezes na adolescência….a família dele tinha um haras ali perto e o Bento me convidou para dar uma volta na fazenda….como dizer nao para aqueles olhos azuis penetrantes é praticamente impossível coloquei uma roupa apropriada para montaria e fomos cavalgar.


Depois denuns 30 min chegamos na represa e com o calor que estava nao resisti a um mergulho. Nao estava de biquíni entao entramos sem nada mesmo….a agua fria me fez arrepiar..mas na verdade acho que foi o tesao de ver aquele corpo enorme de 1,90 nu com a piroca ereta
Ele foi se aproximando com os olhos fixos nos meus…e nao consegui me mover de tanta ansiedade….aquela boca se aproximando ia deixando meu bico do peito duro e a buceta formigando….enquanto aquela mao forte..calejada….Grande ia

percorrendo meu corpo debaixo da agua…aqueles dedos entrando e saindo de meus orifícios…eu ia ficando ofegante e cada vez mais me entregando ao prazer….pqp acho que eu estava com tanto tesao que podia jurar que a represa estava mais cheia só com meus fluidos….saímos da agua e ele me fudeu gostoso na margem…na grama mesmo…meu corpo cocava do contato com o mato mas que se dane….o desejo era muito maior que isso…e meus gemidos enquanto a pica entrava com força e os gritos nos orgasmos enquanto estava arreganhada e era arregaçada por aquela pica gostosa e grande eram altos…sem controle….faziam eco e escutar eles me deixava louca….

Voltamos para o haras e fui ajudar a tirar o arreio do mustangue…quando estava tirando a sela senti a mao do Bento por dentro da minha blusa puxando o sutiã e brincando com meus seios enquanto a outra me segurava pelos cabelos puxando pra trás e a boca mordia meu pescoço..quanto mais ele me xingava mais eu pedia pra ele me comer…Que puxao de cabelo foi aquele me dominando….me deixando sem chão..quanto mais brincava com meus seios mais sentia a piroca dele dura ainda dentro da calça…mais meu tesao aumentava.

Ainda me segurando pelo cabelo ele baixou minha calça….rasgou minha calcinha….me apoiou em uma sela que estava no chão com as pernas abertas e me chupou com tanta voracidade que gozei naquela boca me contorcendo incontrolavelmente.
Voltou a me pegar pelos cabelos e me levou para um monte de feno no canto do estábulo….me virou de costas pra ele…me colocou de 4 e me comeu gostoso como um garanhao cobrindo sua égua…me deixando dominada com sua força…os tapas queimavam e a pica entrava cada vez mais fundo…quando eu ia gozar ele me puxou pelos cabelos pra trás como um cavalo empinando e foi assim que me senti…uma potranca sendo adestrada e caralho…que gozada….

Ja sem forças senti ser puxada novamente e quando dei por mim estava com aquele cacete entrando na minha boca..fudendo fundo ate a garganta e sentindo aquele leite quente sendo despejado na minha goela….era tanto que escorria pelo canto da boca e ele urrava como um animal selvagem….
Depois disso so consegui ficar deitada no feno até recuperar o fôlego e pensar em um novo encontro com aquele homem….e que aconteceu…mas vai ficar para outro momento essa história….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.