A buceta da mulher do meu amigo

Ola. Me chamo Daniel tenho 26 anos, sou viciado em sexo em fetiches e fantasias.
Tenho um amigo que precisou da minha ajuda, estava com a mulher morando alugado e eu disponibilizei uma chácara que tenho para ele e a esposa tomar de conta e morar.
Não vou usar nomes para não comprometer ninguém. Bem, em uma das minhas visitas na chácara comecei a observar a esposa dele andando com chortinho leg preto ( ela é uma morena de 1,69 de altura amazonense) e vi o volumes no short dela, uma mega buceta para uma jovem de 18 anos.

Eu não desistir e comecei a máquinar como eu iria conseguir chupar e fuder aquela buceta carnuda dela. Comecei a visitar minha chácara todos os dias, até que em um dia ele me pedi pra levar ela lá fora pra ver o pai que tinha chegado.
Eu disse que levaria sim mas só dava pra eu levar a noite ( eu já com malícia) então partimos para a cidade eu e a esposa dele, no caminho eu só olhava para as cochas dela e para o volume da buceta, ela percebeu e cruzou as pernas. Eu pensei rápido ( eu precisava mudar aquela rota) até que inventei que precisava passar antes da casa da minha tia que tinha mandado umas mensagens, ela disse que tudo bem, então

seguirmos em direção contrária do pai dela. Eu fui em direção a um motel, eu estava tão loco em possuir aquele corpo e aquela buceta na minha boca que perdi o controle e pulei as pre eliminares e conquistas, entao já na rua do motel girei o volante com tudo e entrei com o carro para a porta do motel, daí ela tentou abrir a porta. Eu disse pra ela não fazer isso, se não ela ia ficar sem casa e sem salário pro marido e sem nada.

Então ela ficou muito assutada e com medo mas mesmo assim permaneceu no carro.
Então perguntei da moça o quarto disponível, já no quarto ela não queria fazer nada, então eu comecei a tocar seu corpo e ela batia minha mão, pediu pra eu não fazer aquilo com ela, eu disse que ia ficar tudo bem que ela só tinha que relaxar.
( Ela não relaxou) peguei ela no colo deitei ela na cama desci para as pernas dela e ela me empurrava pedindo pra parar mas aquelas alturas eu não ia mais parar. Então foi aí que eu segurei os dois braços dela com uma mão e com a outra baixei o shorts, e vi aquela linda buceta que me deixou mas louco ainda, então afastei a calcinha com o dedo e meti a língua na quela buceta gostosa, ela todo tempo me empurrando

e dizendo pra eu parar mas não dava, eu não estava mais em mim. Depois de chupar aquela buceta dela por 5 minutos sem parar em uma luta constante com ela eu então subir com minha língua para a boca dela, foi quando ela virou o rosto e começou a chorar pedindo pra eu não fazer nada com ela, e parar por ali mas eu não acatei o que ela me pediu. Eu segurei nos dois braços e com meus joelhos abrir a perna dela e segurei as mãos dela pra cima e com a outra mão a jeitei meu cacete em direção aquela buceta que já estava toda molhada e comecei a penetrar, ia devagar mas empurrava com força dessa forma minha rola entrava toda na quela bucetinha, ela chorando e eu empurrando meu pau nela, cada penetrada era um gemido em meio

ao choro. Me deixei com ela até encher a buceta dela de gala.
Depôs disso ela ficou calada entrou no carro comigo saímos do hotel, já voltando pra chácara.
Entreguei ela com a buceta cheia de gala.
Confesso que tive medo mas ela gostou e muito.
E daquele dia em diante quando temos uma chance a gente saí, e eu me acabo em cima da quela buceta gostosa dela.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.