No banheiro da academia

Opa pessoal. Conto diferente hoje mas quase no mesmo ambiente de sempre

Entrei na academia há pouco tempo e fiquei surpreso na quantidade de gente bonita que tem lá (curto homem e mulher, mas aqui conto mais sobre minhas aventuras com os caras kkkk)

Enfim, vez ou outra me pego admirando os músculos e malas daqueles homens ali enquanto eles estão treinando. Reparei um cara que tinha um corpo absolutamente rasgado. Todos os músculos em evidência e muito bonitos

Dias depois estava eu chegando lá para treinar e fui trocar de roupa no vestiário. Eis que o carinha sarado tava lá também pra trocar de roupa. Demorei o tempo que precisei p vê-lo de cueca. Melhor visão! Ele ainda achou pouco e foi pro mictório de cueca mesmo

Não me contive e fui também “urinar”. Notei que ele estava demorando muito e vi uns movimentos estranhos que ele estava fazendo. Olhei de canto de olho e ele estava balançando um pau grosso ainda mole e aparentemente pesado. Ele olhava pra mim

Olhei descaradamente pro seu volume e ele balançou mais um pouco e guardou na cueca passando por mim e deslizando sua mão na minha bunda. Eu já estava pronto pra malhar e resolvi sair dali pois estava cheio e eu estava ficando de pau duro

Sempre tomo muita água durante o treino e logicamente fico com vontade de ir no banheiro. Coisa que fiz. Sem pretensões nenhuma resolvi aliviar e quando passei entrando pela porta o carinha estava saindo. No momento em que ele me viu, voltou descaradamente

Segui pro mictório e ele veio ficando no meu lado. Enquanto eu mijava ele solta um “blz?”. Olho pro lado e respondo blz enquanto ele põe a rola dele pra fora olhando pra minha

Carinha: “gostei do teu pau” (bem direto!!)
Eu: “também gostei do seu” (já tava meia bomba)

Ele pegou no meu pau que tava terminando de urinar e chacoalhou dizendo que ia me ajudar. Enquanto isso ele estava urinando tbm. Quando ele terminou de chacoalhar meu pau, ele havia terminado de mijar. Passei por detrás dele encostando meu pau no seu rabo durinho e pegando na sua rola deixando ele soltar um gemido

Eu: “vou te ajudar tbm”
Carinha: “delícia, macho!”

O pau dele ficou duro na minha mão. Por incrível que pareça n entrou ninguém no vestiário (é banheiro + vestiário… ) nesse momento então aproveitei pra guardar seu pau na cueca, subir sua bermuda, apertar gostoso aquela mala e dar um beijo naquele cangote suado dizendo “a gente se vê”. Foi um momento muito sensual pra mim e eu tô de pau duro neste exato momento enquanto conto isso

Terminei meu treino e estava saindo da academia pra pegar um ônibus pra casa quando ouço “ei, aceita uma carona?”

Continua…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *