Transando no banheiro do avião

Olá meu nome é Eduardo, tenho 20 anos, 1,70 e uma bunda grande que os ativos adoram! Essa historia aconteceu quando eu estava indo de SP para NY, fui pro aeroporto pegar meu vôo as 19h, quando entrei no avião fui me dirigindo ao meu lugar, mas no caminho eu esbarrei com um funcionário, não tinha percebido ele ali, era lindo, forte, peludo e eu particularmente adoro homens assim, eu rápido pedi

desculpas, ele me deu um sorriso e continuou a fazer o trabalho dele, eu fui me sentar e fiquei admirando aquele homem, logo veio o aviso para apertar o cinto que o avião iria decolar. Em torno de 1h depois de decolar eu senti vontade de ir ao banheiro, me levantei e fui caminhando, então olhei pro lado e lá tava aquele homem me olhando, sorri pra ele, nossa como ele ficava gostoso com aquele uniforme, eu abri a porta do banheiro, entrei e quando fui fechar alguem segura a porta, eu tomei um susto, mas quando olhei quem era, não pude deixar de sorrir, era

ele me olhando com uma cara de safado e em seguida ele entro no banho e trancou a porta, antes que eu pudesse falar alguma coisa ele me beijou, me empurrou na parede do banheiro e foi passando a mão em mim, tava apertado lá dentro e isso ajudava, eu abri a camisa dele e passei a mão no seu peito, enquanto ele apertava minha bunda, eu abri a sua calça e passei a mão no seu pau por cima da cueca, nossa era muito grande e grosso, eu fiquei com medo do que aquilo poderia fazer em mim, mas já tava ali não ia desistir agora, fiquei de joelho e coloquei o pau dele pra fora, nossa era uma delicia, comecei a chupar e ele segurou no meu cabelo socando na

minha boca com uma verocidade que eu tava adorando, ele puxou uma camisinha do bolso e mandou eu levantar, eu obedeci, ele colocou a camisinha enquanto eu abria minha calça e deixa livre minha bunda, fiquei de costa e ele foi colocando a cabecinha do pau dele em mim, tava doendo mas eu tava adorando ser comido por aquele homem gostoso, ele foi socando com força e colocou a mão na minha boca pra eu não gritar, eu comecei a me masturbar bem rápido, tava sentindo um tensão enorme com ele socando aquele pau delicioso em mim, então eu gozei, mas ele continuou socando rápido, e cada vez mas rápido até gozar também, ele tirou a camisinha e jogou fora, eu me vesti e sai do banheiro, ele ficou se arrumando lá, voltei pro meu lugar ainda com a bunda um pouco doloria, o avião chegou ao seu destino e eu vi ele mas uma vez quando desci do avião, depois disso nunca mais o vi, nem sei seu nome, mas foi uma das melhores transas que eu ja tive!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *