Sozinhos em casa

Eaí punheteiros, afim de gozar? Esse é meu primeiro conto e sobre minha primeira vez

Aumento Peniano

Bom vamos direto ao assunto

Me descrevendo na epoca:
Cabelo meio que ondulado e cacheado, dava pra fazer uma franja, peso normal, braços meio fortes pois jogava futebol, e um peitoral bem legal.

Era um sabado a noite estava eu sozinho em casa pois minha familia havia precisado sair e só voltaria na segunda, resolvi chamar meu amigo pra jogar qual ainda não havia olhado com outros olhos, obs minha idade era igual a 23-6 na época (se eu for direto me derrubam rsrsrs) e meu amigo era da mesma idade, era bem gato praticava natação e estava comecando a ter um abdomen definido ; ), olhos castanhos claros, cabelos lisos e castanhos, muito lindo. Foi com planos de voltar na mesma noite, mas a chuva o fez dormir lá, avisou sua mãe fomos dormir e hora do banho, ele foi primeiro, vestiu um calção de futebol meio froxo (sem cueca) e não vestiu camisa, no momento em que o vi acabei ficando com um leve tesão mas ignorei e esquecui pois eramos amigos bem próximos, depois do banho entrei no quarto e o vi deitado bem a vontade em minha cama dessa vez o volume em seu calção era maior, meu pau bateu na testa, tentei disfarcar, mas, ele acabou percebendo, porém, manteve se quieto e sem comentarios,o volume em seu calção aumentou, mas também ignorei, me vesti, deitei ao seu lado na pequena cama o que fazia ficarmos meio proximos, tbm sem camisa e começei a mexer no celular, tentando ignorar o tesão, alguns minutos depois meu pau volta a subir, estavamos de conchinha sem encostar um no outro nesse momento (se é que me entendem) ele ainda não estava dormindo meu pau ficou tão duro que bateu um pouco abaixo de suas nadegas nesse momento senti ele se arrepiar de tesão, dialogo:
Amigo-que isso man?
Eu- foi mal cara não me segurei, é um negocio meio impróprio aqui, kkk e começo a me afastar dele
Amigo- blz man ( meio desconfiado)

Um tempo passa e ele pergunta:
Amigo-já ficou com alguem alguma vez ?
Eu- ainda não e vc
Ele- tbm não
Eramos bem parecidos nesse sentido (bem inocentes, as vezes kkk)

Ele levantou-se e foi ao banheiro tentando disfarçar seu grande pau duro

Nesse momento eu comecei a cochilar (eu estava de barriga pra cima)

Entre um cochilo e um acordar sinto ele por cima de mim me chamando olhando bem nos meus oluos e perguntando se eu já havia tido pensamentos sexuais envolvendo nós dois, e respondo a real, e disse que só fiquei excitado quando o ví sem camisa e com um certo volume no calção, disse também que meu lance era mina e que eram uns pensamentos bem aleatórios, nesse momento ele começa a se encostar mais em mim e meu pau chega a bater um em sua barriga, e de surpresa ele começa a me beijar, e, que beijo… meu tesão só aumentava sentia meu calção bem molhado e o dele então…, ele comecou a lamber meus mamilos e foi descendo até que tirou meu calção e começou a me chupar, eu estava amando aquilo e ele também peguei uma camisinha na mochila ( era distribuida na escola naquela epoca) e pus em mim, deixei ele de frango assado (posição que eu amo até hoje) começei a socar de vagar ele gemia baixo e continuava me olhando nos olhos com aquele olho castanho bem claro, o que me dava mais tesão ainda, deixei ele se acostumar com meu pau e começei a bombar, o-dei quentes beijo e logo a sonolencia havia ido embora, quando ele sentia dor eu dava poderosas lambidas em seu cú para lubrificar melhor e voltava a meter,eu sentia que ele estava gostando, ele pediu pra eu fazer de baixo e ele comecou a cavalgar, ficamos um bom tempo nessa posição(muito satisfatória para ambos os lados) acho que uns vinte minutos e eu disse que queria gozar no corpo dele, tirei a camisinha e ele deitou-se de barriga pra cima, gozei nele todo, depois começei a chupar ele com meus dedos entre suas nadegas,mas não tão fundo e ele gozou também, passamos a noite de conchinha e ele foi embora pela manhã, fizemos isso outras vezes mais fica pra outro conto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *